sábado, junho 21, 2008

A Física da Enrolação


Se você acha que Física é matéria “enrolada”, prepare-se para a confirmação. Já viram quando enrolamos uma folha de papel, em formato de canudo, que a folha de dentro se curva, não acompanhando o resto do tubo ? Dois físicos chilenos e um americano (T.A.Witten, do DLA) descobriram que uma folha de papel sempre se enrola da mesma maneira, não importando qual a grossura ou a massa do papel e nem da largura do tubo. Na verdade, a lei é ainda mais universal: folhas de metal e de mica também se dobram da mesma maneira, desde que a folha antes de ser enrolada seja plana. Embora o problema seja de interesse antigo, só agora pode ser resolvido, pois envolve a solução numérica de equações mais complicadas. Antes que se perguntem o que os físicos fazem com os tubos, o estudo de estruturas fibrosas que se enrolam pode ser de interesse, por exemplo, para estruturas virais.



O ângulo de 24.1° pode ser explicado pela minimização da energia elástica do papel. Antes deste trabalho, os físicos haviam estudado o formato da folha quando pressionada por uma ponta, como o lápis no papel. O artigo original está publicado nos Proceedings da Royal Society.

Devemos notar que numa época de nanotecnologia, condensados atômicos, malabarismos com átomos e computação quântica, eu gosto de ver estes trabalhos de física clássica. É claro que aumentam minha sensação de esperança, ao notar que isto não havia sido estudado antes e, portanto, tem um campo imensso a ser exporado e tudo pode estar nas coisas mais simples.

2 comentários:

erika melo disse...

cara, que legal!

FISICO LOKO disse...

Que bom que tem gostado do blog. Muito obrigado ;)